Pular para o conteúdo

10 maiores cachês sertanejos do Brasil em 2022

  • por
Anúncios

Confira agora quais cantores sertanejos estão se recuperando economicamente após a pandemia em que o Brasil retomou as apresentações. Confira agora os 10 maiores caches sertanejos do Brasil em 2022

 

10. Simone e Simaria

Apesar de não ser mais um dueto, os companheiros receberam cachê no valor de 250 mil reais após o retorno do show. O backstman de Frank Aguiar já tocava em pequenos bares, ganhando muito pouco a cada vez que ia a uma casa de shows.

9. Leonardo

Um dos nomes de maior sucesso no mundo sertanejo, Leonardo segue em ascensão mesmo depois de todos esses anos de carreira e tem faturado muito com seus shows. Aliás, o cantor já tem a possibilidade de escolher os shows e eventos em que estará, ao contrário dos artistas mais novos, que fazem cerca de 30 shows por mês. Cache do cantor Leonardo é de R$ 280 mil

8. Bruno e Marrone

A dupla foi formada em 1984 em Goiânia, Goiás. Bruno e Marrone são considerados uma das melhores duplas sertanejas da atualidade, apesar de terem participado de várias polêmicas recentes, como a última Live “Cabaré” que foi bastante criticada pelo público. O patrimônio dos dois gira em torno de bilhões de reais, sendo que todos incluem mansões, carros de luxo, fazendas, helicópteros, etc. O valor da cachê de Bruno e Marrone é de R$ 300 mil

7. Maiara e Maraisa

Mansões de luxo, as irmãs e cantoras sertanejas Maiara e Maraisa fazem sucesso nacional desde o hit “10%”, que as colocou no topo das paradas. Desde então, essas artistas figuram no rol das vozes femininas que dominam o mercado sertanejo, muito bem representadas no lado “feminino” do meio. Mesmo após o cancelamento da turnê “As Patroas”, o custo de Maiara e Maraísa está estimado em cerca de 300 mil reais.

6. Luan Santana 

Luan Santana é um dos cantores sertanejos mais bem pagos do país. Com mais de 11 anos de carreira, o sertanejo conquistou o coração dos brasileiros com diversos sucessos que falam de amor. Artista ensaia carreira internacional e Luan Santana custa cerca de 350 mil reais

5. Zé Felipe

O filho mais famoso de Leonardo, o cantor Zé Felipe, superou as dificuldades da carreira para se tornar um dos principais cantores sertanejos da atualidade. Zé Felipe custa em torno de R$ 350 mil, variando de R$ 300 mil a R$ 350 mil. Esse valor trouxe um verdadeiro “boom” graças ao sucesso do cantor no ano passado e, para se ter uma ideia, hoje ele é o terceiro artista mais popular do Brasil no Spotify.

4. Zé Neto e Cristiano

Zé Neto e Cristiano, nascidos no Rio São José Preto, interior de São Paulo, começaram a carreira em 2011. Em 2015, os sertanejos lançaram o terceiro CD e o primeiro DVD da carreira, música que culminou com o sucesso nacional “SEU Polícia”. A dupla de Zenetto e Cristiano vale atualmente R$ 400 mil

3. Henrique e Juliano

A dupla Enrique e Giuliano, que conquistou o Brasil em 2013 com o hit “Não Tá Valendo Nada”, subiu nas paradas de maior bilheteria do país. Isso se deve ao enorme sucesso que a dupla acumulou com mais de 7,8 milhões de ouvintes mensais no Spotify e mais de 11 bilhões de visualizações no YouTube. O atual valor de transferência da dupla Enrique e Giuliano é de R$ 450 mil

2. Jorge e Mateus

Em uma carreira de mais de 16 anos, a dupla conquistou dezenas de hits nas rádios de todo o Brasil e liderou todas as plataformas de streaming do Brasil, subindo uma posição no ranking dos sertanejos mais bem pagos. A cachê de Jorge e Mateus está atualmente em 500.000 reais

1. Gusttavo Lima

Além da fortuna milionária do Country Life, Gusttavo Lima lidera a lista dos cantores sertanejos mais bem pagos do país. Ele tem os maiores números até hoje: 9,3 milhões de ouvintes mensais no Spotify e 100 milhões de reais em vendas de ingressos para a Agenda 2022.

 

Carregando…

Divulgado calendário PIS/PASEP 2023